O que significa temer a Deus?

Temer a Deus, basicamente, é ter uma vida abnegada e tão-somente voltada para os Seus propósitos aqui na Terra, motivada pelo amor que Ele sempre demonstrou por nós. Isto é próprio do homem temente ao Senhor, porque o seu caráter foi moldado, segundo o caráter do Senhor Jesus por ocasião do seu ministério público entre os homens. Ele mesmo manifestou atitude de
temor, quando disse:

“Pai, se queres, passa de Mim este cálice; contudo não se faça a Minha vontade, e sim a Tua.” Lucas 22.42

Notemos o seguinte: se queremos que o Senhor Jesus, na pessoa do Seu Espírito, Se manifeste através de nós, então, temos a obrigatoriedade de assumir o Seu caráter através de atitudes e procedimentos semelhantes aos dEle; os nossos pensamentos têm que ser como os de Cristo, que disse:

“A minha comida consiste em fazer a vontade dAquele que me enviou e realizar a Sua obra.” João 4.3

Será que nós, uma vez declarando abertamente para o mundo que somos servos do Senhor, fazemos da nossa comida a realização da vontade de Deus, que nos enviou? Estamos realmente realizando a Sua obra? Se honestamente confessamos que sim, então, positivamente, há temor a Deus em nossos corações!

Temos observado que apesar de se dizerem cristãos, muitos, infelizmente, dizem a si mesmos: “A minha comida consiste em fazer a minha própria vontade: possuir aquele automóvel, comprar aquela casa, ocupar aquela posição, ter poder para fazer o que os meus olhos desejarem, etc.”

Por isso mesmo, a Igreja do Senhor Jesus Cristo é hoje apenas uma caricatura da Igreja Primitiva, quando os homens e mulheres, por causa do temor do Senhor, se esvaziavam de si mesmos e abstinham-se de qualquer egoísmo ou ambição, porque o objetivo deles era fazer a vontade dAquele que os enviou!

Ah! Como seria este mundo, se o Espírito de Temor ao Senhor estivesse em cada cristão; especificamente naqueles que se propõem levar o Evangelho a toda criatura! O cego que foi curado por Jesus disse aos judeus:

“Sabemos que Deus não atende a pecadores; mas, pelo contrário, se alguém teme a Deus e pratica a Sua vontade, a este atende.” João 9.31

Que o Espírito Santo, através desta meditação, faça derramar sobre nós não somente os Seus dons, mas um sentimento sincero de reverência e respeito para com Ele, que é a base de uma conduta irrepreensível diante de Deus, a fim de servirmos como instrumentos de Sua vontade aqui e agora.

Texto: Pecado e ArrependimentoBispo Macedo

Thiago Teixeira

Idealizou o Filhos da Fé junto de seu amigo, Amaury. Desenvolve seu talento diariamente em prol do amor as almas. | Email: thiago@filhosdafe.blog.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *